• 11 de julho de 2011

    Celular ZTE com 2 chips e por apenas R$ 500,00

    O ZTE V821 tem alguns pontos a favor, outros contras... mas é uma opção diferente para o mercado brasileiro. Os pontos incontestáveis são a capacidade de utilização de 2 chips (conhecido como Dual SIM ou Dual chip), e, o seu preço. Opções assim com Android são realmente raras.

    A vantagem é em relação a economia. Como a grande parte das pessoas que pensam em economia utilizam aparelhos dumb phones, ficam longe da mobilidade oferecida pelos aparelhos mais novos. E se tratando de apresentar a este mercado o que é um smart phone, eu vejo isto como uma boa porta de entrada.

    Outros pontos a favor do aparelho, é que o ZTE V821 vem com Android 2.2 e tem um teclado físico (tipo QWERTY). A minha transição de telefones passou por um Q11 da Motorola, e ele tinha um bom teclado. Este ZTE V821 me lembrou de como era confortável digitar mensagens num teclado físico com botões espaçados e com relevo.

    Em relação ao hardware, não espere algo potente: é um telefone com um processador de 600MHz, uma tela de 320 x 240, 256 MB de memória interna e slot para cartão microSD (até 32 GB). As dimensões dele é 12,4mm, 110mm de altura e 60mm de largura.

    Outra desvantagem é não possuir suporte a conexão 3G. Isto limita demais o aparelho em se tratando de mobilidade. Mas como o foco é economia, isto deixa a conta no fim do mês mais barata. Mas ele possui Wi-Fi (padrão 802.11b/g), Bluetooth 2.1 com A2DP, GPS e uma câmera de 2Mpx.

    A grande vantagem realmente é o preço: você pode encontrá-lo por menos de R$ 500,00 em algumas grandes lojas.

    Nenhum comentário: